terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Como está seu nível de gratidão?

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mais tenha a vida eterna.”

Quando Deus nos enviou o seu filho único, e não só enviou mais como a própria palavra diz Ele DEU o seu filho unigênito, com um grande proposito que é a salvação, Deus aqui entrega em próprio sacrifício em meu favor e ao seu favor, e o que temos feito como forma de gratidão? Qual o nível de gratidão tem dispensado ao nosso Criador e Redentor? Quando olho para minha vida vejo que pouco faço para agradecer tamanho amor, um amor infinito e intenso, e tão pouco gratificado, você pode estar retrucando ai “mais eu faço, eu agradeço ao Senhor com todo meu coração”, eu até concordo que seja verdadeira a sua afirmação mais num contexto geral, não expressamos nossa gratidão nem a Deus nem as pessoas que nos rodeiam, você já parou para pensar que somos ingratos, se não em totalidade mais com uma grande parte das pessoas que nos rodeiam? Pois então reflita agora olhando para suas atitudes, por exemplo:

Quando colocados como lideres, geralmente não agradecemos os que lideramos pela  graça de liderar ou de ser compreendido, em contra ponto quando somos liderados geralmente não agradecemos os que nos lideram, apenas pela graça de sermos liderados;

Quando temos um Pastor Zeloso, geralmente não somos gratos pelo cuidado dispensado, reclamamos que o obreiro do Senhor é enxerido ou não tem mais nada pra fazer, por um outro lado, quando o Pastor  não vem em busca de questões que norteia sua vida, reclamamos que o Pastor não esta nem ai para as ovelhas;

Quanto ao trabalho, ficamos sempre insatisfeitos com nosso chefe ou com algum colega de trabalho, esquecemo-nos de agradecer a Deus que nos deu esse trabalho mesmo que árduo, temos que lembrar que foi Deus que providenciou ou que permitiu que estivéssemos nesse trabalho, e não agradecemos, pelo contrario muitas vezes amaldiçoamos nosso próprio sustento;

No casamento, parece mais uma guerra santa, ou guerra fria, onde as pessoas trocam pedidos  de gratidão e não se dão mutuamente, trocam farpas e quase sempre não se descobre que o erro parte da própria cobiça ou orgulho, certa vez li uma frase que dizia “Se você  pensa em casar para ser feliz, você deve continuar solteiro, mas se você almeja casar para fazer o outro feliz, vá em frente...” ;

E Deus?   - Ah! Esse sim, somos infinitamente ingratos, pois como o texto nos traz Ele amou, Ele Deu, Ele tem a vida eterna a nos entregar, e o que fazemos para agradecer? Pois vivemos questionando a Deus sobre o nosso trabalho, nossa igreja nosso casamento, vivemos a reclamar de nossa sorte, vivemos olhando para a horta do vizinho, achamos que a colheita dele é mais verde e mais frutífera do que a nossa, vivemos uma externa insatisfação, buscamos por atalhos que não nos leva a lugar nenhum, esquecemo-nos de agradecer pelo que temos, não fazemos valer o ditado popular, “... não tenho tudo que amo, mais amo tudo que tenho...”, a busca pelo impossível ou pelo inacreditável, nos faz questionar a obra de Deus em suas mínimas coisas, se na nossa vida temos 99 bênçãos, e se uma não obtivermos 1 pequena coisa, já esbravejamos e questionamos  com infinitos “porquês”, assim é na igreja, no trabalho e na família, somo diariamente coagidos a sermos cada vez mais ingratos com tudo e com todos, mais isso tem que parar, pois Deus não nos criou  para sermos ingratos, veja o que está escrito em I Tessalonicenses 5:18 “ Em tudo dai GRAÇAS, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco”, e se essa é a vontade de Deus assim temos que fazer, pois se Ele amou você e me amou, e Ele nos pede para dar graças simplesmente dar graças assim seja feito, pois tenho que me esmerar em ser grato pelo dom da vida, ser grato pelo Pastor da minha igreja, por meu trabalho, por minha família, uma boa receita de viver na graça e com graça esta no texto de Efésios  5: 19 a 21 ”... Falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor, com hinos e cânticos espirituais, dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, sujeitando-vos uns aos outros no temor de Cristo.”  Receita infalível para amar mais, e ser mais grato, busquemos as cinco infalíveis Solas, que seja vivenciada em nossas vidas.

Se pessoas são ingratas com você, olhe para o nosso Senhor e Salvador, que amou o mundo, deu seu filho e dá a vida eterna, e nos pede simplicidade de coração e mesmo assim para com Deus não é feito com gratidão, tenha visto os humanos pecadores e ingratos.

O que desejo é que comece em mim meu Deus! Que Tu possas transformar minha vida de reclamações em agradecimentos, que pessoas vejam em mim toda sua gloria e que deem graças a ti, que seu some seja glorificado através da minha gratidão, que possa ser diferente e “ ...Em tudo dai GRAÇAS...” e que possamos orar assim:


Eu te agradeço Senhor: 
Pelas vezes em que eu me perdi,
e o Senhor me achou;
Pelos erros que cometi,
e o Senhor perdoou;
Pelas vezes que me entristeci,
e o Senhor me alegrou;
Pelas lágrimas derramadas,
que o Senhor enxugou;
Pelas vezes que me enfureci,
e o Senhor me acalmou;
Pelas vezes que te ofendi,
e o Senhor me revelou seu amor;
Pelas vezes que me afastei,
e o Senhor me encontrou;
Pelas vezes que quase caí,
e o Senhor me salvou;
Por esta chance de ir em frente, de ser feliz.
Agradeço por estar vivo, por existir.
Pela esperança, que me dá forças para prosseguir.
Eu te agradeço por estar comigo,
Em todos os intantes da minha vida. Amém! [1] 

Por Marcony
fonte :
http://www.hospitaldalma.com

12 Deixe seu comentário!:

CARLOS HERRERA disse...

Olá pessoal

Esta semana quero compartilhar este belo texto do meu maninho Marcony !

boa leitura!

abraço

Marcony disse...

Valeu o Jaba mano Herrera

CARLOS HERRERA disse...

rsssssss falo Marcony

Wendel Bernardes disse...

A gratidão faz parte do coração tocado pelo Deus amável e por Seu Filho doador de vida!

A postagem mostra muito bem onde somos mal agradecidos, onde devemos ser mais atentos...

Claro que ela aponra 'apenas' alguns dos nossos muitos erros em deixar de louvar e agradecer a Deus em nossas vidas, mas vale muito como parâmetro!

Abraços Herrera, parabéns Marcony!

René disse...

Mais uma questão muito necessária em nossas vidas, Herrera!

Essa gratidão que o Marcony fez muito bem em nos lembrar, tem que estar entranhada em nós, mas não só pelas coisas que consideramos boas: deve ser também com as coisas que consideramos ruins, porque elas, normalmente, têm o propósito de nos edificar e aperfeiçoar.

E como dizia o Jó, "temos recebido o bem de Deus, não receberíamos, também, o mal?" (mal aos nossos olhos, evidentemente).

Abração e continue na Paz!

Wendel Bernardes disse...

Eita, desculpem os erros, estava escrevendo rápido e não revisei o texto!

Onde se lê 'aponra', leia-se 'aponta'.
Paz!

CARLOS HERRERA disse...

Valeu Wendel e Renê pelos comentários reflexivos ....
abraços

António Jesus Batalha disse...

Obrigado irmão Carlos Pela sua visita. Lhe desejo muita paz.

disse...

Não adianta meu amigo, somos murmuradores mesmo, tudo reclamamos,somos ingratos por natureza, por isso contamos com a misericórdia de Deus rss. Muito bom o texto. Paz Herreira!

Marcony disse...

Valeu todos os irmão pelos comentários, edificantes e ilustrativos.. e sobre sermos murmuradores "Rô" realmente somos mais temos que começar a parar de murmurar tanto...

Paz a todos em Cristo Jesus

Conexão da Graça disse...

Herrera, muitos fariam uma versão particular do texto assim: "Em quase tudo dai graças", pois não conseguem fazer uma re-significação dos momentos não tão bons da vida, e por isso não crescem.
Escrevi um pouquinho disso no: "Fé Demais Não Cheira Bem!"

Hasta la vista hermano!

Franklin Rosa

disse...

Pois é Marcony , por isso disse que contamos com a misericórdia dEle. Paz querido!