sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Quando as tempestades são maiores que nossas forças....


Após um dia intenso de ensinamentos  e  palestras ao ar livre, Jesus, deliberadamente decide ir a outra margem do " Mar da Galiléia".

O texto nos afirma que, estando no meio do mar, uma tempestade anormal se levantou, levando todos a bordo ao desespero.  Então, temendo pelas suas próprias vidas, os discípulos decidiram despertar o Mestre que descansava na poupa da embarcação.

Sabemos que tudo aquilo que o Senhor faz, o faz com propósito claro e definido. E,  nada daquilo que realiza é acidental ou casual. No mesmo dia, Jesus, decidi conduzi-los da teoria à pratica. E, confronta-os com tempestades anormais, que ocorrem na existência da vida, extraindo as mais excelentes lições.

Para informação adicional, o Mar da Galiléia está situado ao norte de Israel, sendo um lago de água doce,  chamado de "mar"  pela imensa área que ocupa. Assim como nos tempos de Cristo, os ventos quentes oriundo das regiões deserticas ao sul de Israel, encontram-se com os ventos gelados vindos das regiões montanhosas ao norte do país, formando diariamente uma pequena tempestade no final de cada tarde.

Alguns discipulos, além de pertencerem aquela geografia, eram pescadores... 
Portanto, homens habituados ao mar e as tempestades.. 
No entanto, ao se depararem com uma tempestade anormal, incomum e transcendente a que estavam acostumados... se desesperaram!

Existem tempestades que ocorrem no dia-dia que estamos acostumados, e as enfrentamos com naturalidade e disposição. Mas, há outras tempestades que se levantam, que são maiores que nossa capacidade de resolve-las. 
Portanto, quando subitamente nos encontramos diante das tempestades agigantadas,  só nos restam uma única alternativa:

" CLAMAR ÀQUELE QUE ESTÁ NA POUPA DO BARCO"

Na ação de clamar no meio das  tempestades, ocorre o maior dos milagres:
Pois, dispo da minha arrogância jactante..
me deparo com minhas limitações, fraquezas e desesperos...
percebo a minha latente inabilidade diante do impossível...  

Assim, me rendo ao seu poderio, revestindo-me da humildade sem falsas pretensas!
Reconheço que para Ele, todas as coisas são possíveis.
nasce em mim a certeza absoluta, de que basta um brado da sua potente voz,  para que os ventos e o mar lhe obedeçam.
E, quando esses elementos,  reconhecem a "voz do seu Criador"...
logo se submetem... produzindo a sincronicidade milagrosa..tanto fora quanto dentro de mim... tanto nas circunstancialidades como na minha interioridade!

Hoje, mano querido..quem sabe você está navegando em meio à grande tempestade? 
Por acaso ela é maior que suas forças? ou, seu barco está indo a pique?
Caso, sua resposta seja sim!.... Não perca mais tempo!


"Desperta o Senhor com o seu clamor..Ele te ouvirá e a tempestade cessará".
E, sob o mar da sua vida, uma bonança se fará!

Em Cristo
Carlos Herrera

11 Deixe seu comentário!:

CARLOS HERRERA disse...

Este post é de dezembro...
decidi posta-lo novamente..

abraços

Míryam Lobo disse...

Paz!

Não foi à toa que vc o postou novamente, foi o Senhor que te conduziu a isto. Este texto foi muito bom para mim. Me mostrou mais uma vez o quanto o Senhor é o meu sustento e, sempre será.

Vou confiar cada dia mais e mais no meu Salvador, no Deus das causas que para nós, muitas vezes são impossíveis. Mas para Ele TUDO É POSSÍVEL AO QUE CRÊ!!!

Glória a Deus por esta postagem!!

Obrigada por postá-la novamente!

Paz pro seu coração de amor !

CARLOS HERRERA disse...

Fico feliz que esta mensagem lhe foi útil.

Que Deus lhe abençoe..
paz

René disse...

Herrera,

Graças a Deus, não estou passando por tempestades, neste momento. Como diria o Lula, "é só u'a marolinha".

Mas é muito importante que esta mensagem seja constantemente lembrada a todos, pra que a gente não esqueça que Jesus está sempre conosco e atende ao nosso clamor!

Valeu!

Abração e continue na Paz, meu amigo!

Wendel Bernardes disse...

Ótima repostagem, Carlos!
Precisamos mesmo entender que a salvação de Cristo virá e que Sua vontadde se manifestará completamente, mesmo sabendo que as tempestadas são diárias, que as ventanias são constantes...
E que Jesus está SEMPRE no barcos dos que carecem!

Viu, depois diz que não é pastor... Franklin acertou em cheio! Só falta chegar a unção que desce pela barba chegar via msn!
SRSRSRSRSRSRSR

CARLOS HERRERA disse...

valeu querido Renê

disse...

Carlos meu querido, o mais interessante neste texto, é que Jesus estava lá no barco dormindo tranquilo, e eles haviam esquecido que Jesus estava no barco.
O desespero vem quando esquecemos que Jesus esta no barco. rsss Esquecemos que geralmente quem abandona o barco somos nós e não Ele. bjs querido!

CARLOS HERRERA disse...

recebo Wendel...manda logo a unção via net..rsss, ja sinto cheiro de azeito 100% virgem
rs

maninha Rô.
Jesus, antes de fazer a tempestade parar ..
ele tem um dialogo...primeiro ele acalma a tempestade interna, para assim acalmar a tempestade externa..interessante..
abraços

Wendel Bernardes disse...

Esquecí de te perguntar, te enviei e-mail pro endereço do blog... recebestes?

Vivendo pela Palavra de Deus!!! disse...

Oi irmão Carlos a paz!!! Nada se perde em nossas vidas, seja o dia mais difícil ou a noite mais longa, Rm 8:28.Como foi falado no texto quando o Senhor nos levar da teoria para a pratica, ele tem um propósito: a nossa maturidade e ser maduro dói,pois algumas vezes vamos ter que fazer a mesma prova varias vezes, mas é glorioso. Ai quando aprendermos diremos como Paulo diante das tempestades, "Não fixamos os nossos olhos nas coisas que são vistas, mas nas que não são vistas, pois as que são vistas são temporárias, e as que não são vistas são eternas. 1 Co 4:18. Obrigada por partilhar. Uma boa tarde e fique na paz!!!

António Jesus Batalha disse...

Seja qual for o problema que se levante em nossa vida, Jesus está sempre atento á nossa decisão, e é esta que vai fazer mover o amor de Deus. A nossa vigia muitas vezes é menor do que deveria ser, e então gritamos por ajuda, no entanto essa ajuda necessaria está ao nosso lado.